sexta-feira, maio 07, 2010

2ª Conferência Estadual de Economia Solidária discute desenvolvimento

Para fazer um balanço do setor da economia solidária, identificar os avanços e traçar metas de
desenvolvimento do segmento, entre segunda (3) e quarta-feira (5), representantes dos empreendimentos de economia solidária, do poder público e das organizações que apoiam e fomentam o segmento estiveram reunidos no Gran Hotel Stella Maris, em Salvador, para participar da II Conferência Estadual de Economia Solidária (COEES).
Para o governador Jaques Wagner, estas ações são importantes para o fortalecimento da economia solidária do Estado. “É mais uma forma de organização dos trabalhadores. O setor é muito importante para o desenvolvimento econômico e social da Bahia. Por isso, apoiamos e criamos suportes para que estes empreendedores possam expandir seus negócios”, afirmou Wagner.
De acordo com o secretário estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Nilton Vasconcelos, o Estado tem concedido incentivos ao desenvolvimento da Economia Solidária. São oferecidas aos empreendedores do setor, linha de crédito com 5% a 7% de juros ao ano, infaestrutura por meio dos Centros Públicos de Economia Solidária e suporte técnico-administrativo por intermédio das incubadoras.
Durante a conferência, está sendo discutida a criação de uma Política e de um Sistema Nacional de Economia Solidária. Também serão apresentados os resultados das 24 conferências territoriais que foram realizadas entre os meses de março e abril, nas quais foram eleitos os 368 delegados. Etapa preparatória para a 2ª Conferência Nacional de Economia Solidária, o evento será dividido em três eixos temáticos e deverá eleger 100 delegados para a etapa nacional. A Bahia é o terceiro estado em número de representações, ficando atrás apenas do Rio Grande do Sul (168) e de São Paulo (124).
As propostas da conferência estadual serão levadas à etapa nacional, que será realizada em Brasília, entre os dias 16 e 18 de junho de 2010. Com o tema Pelo Direito de Produzir e Viver em Cooperação de Maneira Sustentável, a conferência nacional contará com a participação de 1,6 mil delegados dos 27 estados brasileiros.



Fonte: AGECOM

Um comentário:

Delman Mota Melo disse...

Eu estive nessa conferencia e foi bastante interessante as propostas que saíram para a Conferencia Nacional, inclusive foram eleitos Delegados (as)representando A Bacia do Jacuípe na Nacional: Nereide Segala (Pintadas), Neliana Rios (Capela), Gileno((Mairi) e Leninha (Nova Fatima)

Torpedos Grátis

Paróquia Pintadense

Portal Bacia do Jacuípe

Polo Pintadas UAB

Secretaria de Educação

Colégio Normal de Pintadas

Localizar no Site